DOR NA LOMBAR – CID, Lado Esquerdo, Direito → (Dor na Coluna)

Quem sofre de dor na lombar sabe o quanto isso pode atrapalhar o nosso dia a dia. Para te ajudar nós vamos te indicar remédios e exercícios para ameniza-las. Cada vez mais, as pessoas têm reclamado de dores lombares, e não apenas aquelas em idade avançada, mas também o público jovem. Esse é um dos problemas nas costas que mais atinge os brasileiros.

Esse incômodo pode ser causado por vários fatores como hérnia de disco, idade ou tensão e distensão muscular devido ao uso em excesso. Por isso, é importante que você saiba as formas de tratar e até mesmo prevenir.

Na grande maioria das vezes os sintomas são passageiros, durando apenas alguns dias. Porém, em alguns casos mais graves, essas dores lombares podem persistir, impedindo que você realize outras atividades. Se você sofre com dor na lombar, saiba mais sobre o que pode ser essa dor, o que pode ser feito para melhorar os sintomas, como são as formas de prevenção e muito mais.

O que é a Dor na Lombar?

Também conhecida como lombalgia ou dor no quartos, a dor na lombar é um conjunto de manifestações dolorosas que ocorrem na região mais baixa da coluna, bem próximo à bacia. A dor não é uma doença, mas pode ser um sintoma de vários problemas clínicos.

Dor na Lombar

A região lombar é essencial para a coluna vertebral, pois é o principal ponto de apoio do tronco. Além disso, ela é responsável por sustentar grande parte do peso corporal e ajudar a movimentar o corpo. Ela é constituída por 5 vértebras, ligamentos, músculos e discos invertebrados.

Existem dois tipos de lombalgia: a crônica ou aguda, que dependem da duração dos sintomas. A aguda acontece por lesão repentina, como, por exemplo, um estiramento muscular acontecido depois de um esforço físico. É comum surgir devido a um mau jeito na coluna ou espasmos musculares.

A dor costuma ser bem forte, mas desaparece em alguns dias. Já a crônica pode surgir em pessoas de todas as idades, causando dores de moderado a intenso. Geralmente ela costuma durar mais de 3 meses e proporciona uma incapacidade física. Essa é uma das mais comuns.


Confira também:


Dor na lombar o que pode ser?

Existem vários fatores que podem gerar dor lombar. O principal deles, que costuma ocorrer em 9 de cada 10 pessoas que sofrem com o problema, é causado pela degeneração natural e uso excessivo das articulações e ossos da coluna.

A dor lombar também pode ser causada por deformidades estruturais como a escoliose e lordose. A escoliose é a curvatura da coluna vertebral e pode começar a causar dor entre os 40 e 50 anos. Já a lordose é a curvatura excessiva da coluna na região da lombar e também pode ser uma grande causa desse problema.

Dor na Lombar

A existência da sua dor na coluna lombar pode ser devido a problemas de postura. A forma de se sentar, levantar e carregar objetos pesados pode fazer toda a diferença no aparecimento ou intensificação da dor. Alguns outros fatores que influenciam a dor são:

  • Artrose
  • Infecção ou inflamação
  • Hérnia de disco
  • Osteoporose
  • Escorregamento de vertebras
  • Lesões esportivas
  • Estenose do canal
  • Trauma por quedas
  • Ferimento da lombar
  • Compressão das raízes nervosas
  • Doença degenerativa do disco
  • Estiramento muscular e de ligamento
  • Deformidade
  • Disfunção da articulação
  • Fatores emocionais

Remédios para dor na lombar

Uma forma de acabar com a dor na coluna lombar é através de remédios. Os analgésicos podem ser úteis para aliviar o desconforto, mas a dose diária permitida é que 4g por dia. Um bom exemplo é o paracetamol, muito utilizado nesses casos.


Dor na LombarAnti-inflamatórios: também podem ser usados quando há inflamação e a dor está muito forte. O máximo ingerido por dia é 1,2g. O ibuprofeno é um dos mais utilizados. Os comprimidos atuam de maneira sistêmica e trazem alivio dos sintomas, mas devem ser tomados seguindo orientações de um médico.

Isso porque eles podem causar alguns efeitos colaterais e seu uso em excesso pode causar prejuízos para a saúde. Os dois remédios indicados acima são eficientes quando as dores são discretas e moderadas. Os médicos costumam indicar a combinação de medicamentos como Celecoxibe e Pregabalina, que são bastante indicados para eliminar as dores intensas relacionadas aos nervos periféricos.


Dor na LombarRelaxantes musculares: como o ciclobenzaprina e carisoprodol também podem ser usados contra a dor nas costas lombar. Além dos comprimidos existem as injeções, como é o caso da vitamina B6. A dor nas costas lombar pode ser sinal de compressão do nervo ciático, causando queimação e impossibilidade de andar e ficar sentado.

Quando a coluna ficar travada, o uso dessa vitamina pode combater os sintomas. As injeções podem ser utilizadas por 7 dias . Nesse período a dor será controlada ou eliminada. A última forma de tratar a dor é por meio de pomadas e emplastro.


Dor na LombarAdesivos: como salompas, calminex, dorflex e pomadas como diclofenaco podem ser usadas para dor na lombar lado direito e dor na lombar lado esquerdo e não possuem necessidade de receita na hora de comprar. Ou seja, elas são de fácil acesso e podem trazer alivio de sintomas em apenas algumas horas. Quando a dor é ligeira ou moderada, seu efeito é mais rápido do que comprimido.


No entanto, é sempre importante lembrar que ir a um especialista é a melhor maneira de você descobrir a causa desse problema, para poder fazer o tratamento direto na fonte. Os médicos usam o CID dor na lombar 10 M54.5 para diagnosticar a dor na coluna torácica.

Exercícios para dor na lombar

A atividade física pode ser grande auxiliar na redução da dor na lombar lado direito e lado esquerdo ou até mesmo na prevenção. Os exercícios precisam ser acompanhados por profissionais, pois se forem feitos incorretamente pode ocasionar a piora da dor. Antes de iniciar o tratamento é importante fazer exames como Raio X ou ressonância magnética para avaliar como está a situação da coluna.

Dor na Lombar

Você pode fazer exercícios de fisioterapia, RPG e Pilates. Todos eles são acompanhados por profissionais da saúde, que serão capazes de te orientar para os melhores exercícios. O ideal é que você faça as seções sozinhas, pois assim terá atenção exclusiva. Mas caso não seja possível, uma seção em grupos pequenos também pode ajudar.

O importante é que você pratique exercícios e fala alongamentos em casa. Como as atividades precisam de acompanhamento, o profissional só irá te passar exercícios mais leves para fazer em casa. O alongamento é o principal deles. É bem fácil e simples de fazer e traz bastante fortalecimento para a coluna.

Confira alguns deles:


01. Sentar com as pernas juntas e esticadas e levar a mão até os pés.


02. Sentar abrindo as pernas o máximo que conseguir e levar uma bola que está junto a você até o mais longe que conseguir


03. Puxar o pescoço para a lateral com a mão e depois para frente


04. Ajoelhar no chão, deitar em cima das próprias pernas com o braço esticado até o máximo que conseguir.


Praticar exercícios e manter uma postura corporal correta é muito importante para que você consiga reduzir a dor na lombar. Com os remédios indicados você já terá um alivio no mesmo dia. Às vezes a dor pode ser apenas um mau jeito que você teve algum dia. Caso ela persista, não se esqueça de procurar um médico para lhe dar as devidas orientações.

Obrigada pela leitura sobre dor na lombar. Se você gostou, não deixe de compartilhar com seus amigos e deixar um comentário abaixo!

DOR NA LOMBAR – CID, Lado Esquerdo, Direito → (Dor na Coluna)
4.8 (95.56%) 9 votes

LEIA TAMBÉM:

Deixe um Comentário

2 Comentários